person_outline

EN FI FR DE IT PL PT ES SV TR

Filtro e Pesquisa

Palavra-chave

Objetivo

Área Curricular

Faixa etária dos estudantes

Autor

atividades

TABELA DE SEQÜÊNCIAS DE ATIVIDADES estrelas

Suporte visual destinado a esclarecer quais são as atividades que vão acontecer ou que precisam ser feitas em diferentes ambientes (mesa de trabalho, playground etc.), facilitando a previsibilidade para os alunos com autismo. Foi desenvolvido pelo CPEE_Latores dentro do Projeto CREEME (Centro de Recursos para Educação Especial e outras Medidas Específicas). Este projeto consistiu na conversão do centro específico em um centro de recursos para as escolas de referência comuns dos alunos com autismo matriculados na educação combinada.

Este apoio visual, em particular, é usado no ambiente da sala de aula comum do corpo discente, para o qual foi abordado e colocado em prática com a ajuda de um professor itinerante da escola específica que viajou para o centro comum em trabalhos de consultoria.

Suporte especial para atividades extraordinárias

Forneça um apoio de scifi e individualizado para que um aluno possa fazer uma viagem com pernoite, assim como o resto de seus colegas.

Um suporte individualizado será encarregado de orientar a atividade e ajudar o aluno com ASD a se adaptar com os outros colegas antes de uma excursão / excursão fora do centro e uma situação conhecida e cotidiana.

Sabemos que os alunos com ASD, uma de suas maiores dificuldades para adaptar-se a novas atividades, ambientes e situações desconhecidas, portanto, esse suporte pessoal pode ajudá-lo a gerenciar, canalizar e integrar-se com seus pares em novas situações e espaços.

Os resultados obtidos a partir desta atividade são extremamente positivos, já que sem esse apoio, ele não poderia ter desfrutado dessa atividade devido às dificuldades em se adaptar a novos ambientes.

A avaliação da família e o bem-estar do aluno, uma vez concluída a atividade, reforça nossa ideia de continuar acompanhando os alunos para garantir o sucesso diante de atividades extraordinárias.

recesso dirigido com participação de pares

Dadas as dificuldades das pessoas com ASD em termos de habilidades de comunicação social, a inflexibilidade mental, o recreio torna-se o momento do dia escolar em que eles podem destacar suas dificuldades, especialmente a falta de estrutura que este contexto geralmente tem e quão complexa é a compreensão das interações sociais.

É por isso que as salas de aula que participaram do curso compartilham o recreio com os alunos do ensino médio, realizando jogos regulados e estruturados onde os nossos alunos podem participar com o restante dos alunos do centro. Destacar objetivos como estabelecer diretrizes para os profissionais do centro, coletar informações de tutores pertencentes a cada aluno, estruturar o ambiente (suportes visuais, layout de móveis, materiais ...), atender às demandas individuais de cada aluno tanto no nível comunicativo quanto no social são alguns dos objetivos estabelecidos para o desenvolvimento da atividade.

RESULTADOS: Estes têm sido muito positivos em todos os níveis, uma vez que os alunos dessas salas de aula participaram de uma infinidade de jogos estruturados com diferentes alunos. Além disso, as informações coletadas pelo outro centro são positivas, pois fornecem informações e conhecimento da metodologia que realizamos com os alunos.

Inscrever-se neste feed RSS

parceiro

O apoio da Comissão Europeia à produção desta publicação não constitui um endosso do conteúdo que reflicta apenas as opiniões dos autores, e a Comissão não pode ser responsabilizada por qualquer uso que possa ser feito das informações nele contidas.

Nenhuma conexão com a Internet